Press Releases
 Sonae integra grupo de doadores de iniciativa global de combate à Covid-19

Sonae integra grupo de doadores de iniciativa global de combate à Covid-19

2020-05-04
Iniciativa Coronavirus Global Response

Objetivo é captar 7,5 mil milhões de euros para acelerar a investigação, desenvolvimento, produção e acesso equitativo a vacinas, diagnósticos e tratamentos para a COVID-19. Portugal vai contribuir com 10 milhões de euros, sendo a Sonae um dos doadores.

A Sonae integra a iniciativa mundial de combate à COVID-19 denominada "Coronavirus Global Response”, que tem como objetivo acelerar o desenvolvimento e a implantação de vacinação, tratamento e diagnóstico para a COVID-19, bem como torná-los universalmente disponíveis e acessíveis. A "Resposta Global ao Coronavírus” une empresas, fundações, Estados, União Europeia e organizações especialistas a nível mundial em torno de um objetivo comum, procurando uma resposta rápida à pandemia e permitindo o acesso generalizado da população aos avanços científicos resultantes dos projetos apoiados.

No âmbito da sua política de responsabilidade corporativa, a Sonae integra o grupo de entidades que, em conjunto com o Estado Português, vão doar 10 milhões de euros para esta iniciativa de combate à COVID-19. Este apoio traduz a missão da Sonae de "criar valor económico e social a longo prazo, levando os benefícios do progresso e da inovação a um número crescente de pessoas”.

A iniciativa "Resposta Global ao Coronavírus” é lançada esta segunda-feira, dia 4 de maio, nos vários países envolvidos. Em Portugal a conferência dos doadores realiza-se em Lisboa e contará com a presença várias instituições que contribuem para esta iniciativa.

O objetivo é conseguir 7,5 mil milhões de euros a nível mundial para fomentar e acelerar a inovação e o desenvolvimento de soluções, promovendo ecossistemas de inovação e partilha de conhecimento envolvendo todos os atores públicos e privados que possam ajudar a alcançar os objetivos definidos.

Para as vacinas, a coordenação caberá à Coalition for Epidemic Preparedness Innovations (CEPI), em conjunto com a GAVI - The Vaccine Aliance, tendo em vista a implantação da vacinação. Para a terapêutica, o ponto focal será o "COVID-19 Therapeutics Accelerator”, e para o tema dos diagnósticos a responsabilidade será da FIND (Foundation for Innovative New Diagnostics).

"Entendemos que não podemos combater a COVID-19 sozinhos e que precisamos trabalhar juntos, através de uma parceria sem precedentes e inclusiva com todos interessados - líderes políticos, parceiros do setor público e privado, sociedade civil, academia e todas as outras partes interessadas da sociedade- para alavancar conjuntamente os nossos pontos fortes e encontrar soluções coletivas, num caminho acelerado, de acesso para todos. Somos mais fortes, mais rápidos e mais eficazes trabalhando juntos”, avança a Organização Mundial da Saúde.

Para a Sonae, "a cooperação e inovação aberta é fundamental para responder aos desafios que a sociedade enfrenta. Por isso decidimos participar nesta iniciativa a nível mundial, procurando contribuir para acelerar o desenvolvimento de uma vacina, bem como de tratamento e de diagnóstico para a COVID-19. É o momento de todos cooperarmos e contribuirmos para proteger a saúde e segurança das famílias”.

Sonae apoia também combate em Portugal
A Sonae e as suas participadas têm vindo a apoiar várias iniciativas e instituições em Portugal no combate à COVID-19, nomeadamente através de meios financeiros e materiais, bem como colocando as suas competências ao serviço da sociedade.

Os negócios de retalho alimentar (Continente), de eletrónica (Worten) e telecomunicações (NOS) mantiveram as suas operações em funcionamento, assegurando aos portugueses os bens essenciais de que necessitam, em linha com as orientações governamentais. Esta realidade só foi possível pelo empenho e dedicação das várias equipas, bem como de toda a cadeia do setor, desde a produção até à logística.

As várias empresas Sonae distribuíram milhares de bens alimentares e não alimentares, e EPIs (equipamentos de proteção individual) respondendo assim aos pedidos de dezenas de entidades em que se incluem hospitais, autarquias e instituições de solidariedade, com o objetivo de ajudar não só os mais vulneráveis e em situação de doença, mas também profissionais de saúde e forças de segurança que continuam na linha da frente a lutar contra a COVID-19.

A Sonae colocou desde a primeira hora as suas capacidades de sourcing internacional ao serviço de Portugal e dos portugueses, tendo conseguido comprar EPIs num momento de grande necessidade e providenciado toda a logística para o seu transporte para Portugal, bem como para a distribuição pelas entidades e instituições prioritárias, nomeadamente hospitais.

A pensar na proteção das pessoas e na promoção da saúde pública, a Sonae Fashion juntou-se à comunidade científica e industrial para criar e disponibilizar uma máscara reutilizável inovadora a nível mundial. O projeto envolveu da sua marca de vestuário MO, a fabricante Adalberto, o centro tecnológico CITEVE, o Instituto de Medicina Molecular João Lobo Antunes e a Universidade do Minho. A máscara MOxAd-Tech está já certificada com o nível II – Uso profissional pelo CITEVE, oferecendo uma capacidade de 95% na retenção de partículas.
Voltar aos Press Releases
Este website utiliza cookies que facilitam a navegação dos visitantes.

A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pela SONAE. Consulte aqui a nossa Política de Cookies